Cursos de primeiros socorros na região selvagem – Indo além dos primeiros socorros básicos

Devido à diferença de condições na natureza em comparação com o trabalho geral ou ambiente doméstico, os cursos de primeiros socorros na natureza devem abranger atendimento médico de emergência em diferentes ambientes com diferentes condições e perigos. Os tipos de lesões que ocorrem na natureza diferem frequentemente daqueles que ocorrem em ambientes tradicionais. Os cursos estão disponíveis para entusiastas de atividades ao ar livre casuais, para guias de turismo selvagem e para outros que atuam como socorristas em locais remotos.

Os cursos para quem trabalha ou viaja em locais menos remotos não são tão intensos quanto os cursos para quem se aventura longe da ajuda tradicional. Os cursos básicos de primeiros socorros na selva ensinam o tratamento de emergência como a primeira resposta a um acidente ou lesão antes da chegada da assistência médica. O curso típico explica a avaliação e o exame do paciente, tomando os sinais vitais, documentando a lesão ou doença. Cuidados iniciais de curto prazo para lesões na medula espinhal, lesões na cabeça e choque são cobertos. A estabilização de fraturas, luxações e entorses que ocorrem ao ar livre é ensinada. Os extremos de frio e calor experimentados ao ar livre podem causar hipotermia ou calor. Relâmpagos, picadas de insetos e animais e toxinas de plantas são mais frequentes ao ar livre. Sem telefone celular ou atendimento de emergência a minutos de distância, aqueles que fazem caminhadas ou visitas guiadas devem ser capazes de cuidar do paciente por várias horas ou mais. Os cuidados dispensados ​​nesse período podem ser a diferença entre a recuperação total e os efeitos duradouros do evento.

Os cursos avançados são apropriados para guias fluviais, alpinistas, pessoal da escola de sobrevivência e outros que trabalham em locais remotos. Devido à distância dos socorristas médicos de emergência tradicionais, o tempo gasto cuidando do paciente pode durar de dias a até semanas. Conhecimento intensivo de todos os sistemas do corpo, técnicas de evacuação, cuidados prolongados para fraturas, lesões na medula espinhal e na cabeça e tratamento completo de vítimas de choque são alguns dos assuntos abordados.

Todas as aulas de primeiros socorros na selva ensinam o uso de materiais disponíveis para situações de emergência. Kits de primeiros socorros elaborados são raros no deserto. Talas e suspensórios podem ser feitos de materiais como raquetes de neve, esquis, alças de mochilas e acolchoamento de mochilas ou roupas. Uma resposta rápida e o uso criativo dos materiais disponíveis são essenciais no deserto.



Source by Michael Morales

Recommended Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.